O canal da Tecnologia

Em construção

Saiba como investir em decoração gastando pouco

0

As embalagens plásticas são versáteis e possibilitam a fabricação de diversos produtos, como embalagens para shampoos e desodorantes. Essa praticidade é justificável pela facilidade de manuseio.

Os frascos plásticos podem ser moldados de acordo com a necessidade do produto, e por este motivo são utilizados para diversas tarefas. Por isso, mesmo que as dimensões dos produtos sejam diferentes, tudo pode ser moldado.

A questão é que o plástico está presente em diversos produtos. Desde um pequeno composto de uma manta térmica para telhado, até empresas de locação de geradores ou que utilizem o ímã de ferrite para confeccionar algum objeto.

Em meio a isso, a decoração consegue a sua vantagem. Diversas embalagens plásticas feitas com materiais recicláveis podem ser reaproveitadas, e os processos de reciclagem podem acontecer de várias formas.

Pensando nisso, separamos algumas dicas para entender mais sobre a fabricação de embalagens plásticas e como podem ser reaproveitadas. Acompanhe:

Como aproveitar as embalagens plásticas?

As embalagens feitas com plástico possuem distintas funções, e independente de qual seja, com um pouco de criatividade é possível aproveitá-las de alguma forma.

A garrafa pet, por exemplo, é um tipo de plástico que todos têm. Comumente usada para refrigerante, água, suco e etc, com alguns detalhes pode ser transformado em algo útil e decorativo para a sua casa.

Confira algumas imagens com exemplos criativos para aproveitar embalagens plásticas como elementos decorativos:

Como é feita a reciclagem?

Assim como a reciclagem de eletrônicos, as embalagens plásticas, é possível reciclar os recipientes. Existem 3 maneiras de fazer isso, e os métodos são separados por processos mecânico, químico ou energético.

A reciclagem, antes de passar pelo processo de transformação dos materiais, precisa cumprir algumas etapas, e são elas: a coleta e separação, revalorização e transformação.Cada uma corresponde respectivamente ao seguinte processo:

Coleta e separação

Nessa etapa todos os resíduos são devidamente separados de acordo com o seu material. Na fase de coleta e separação são separados frascos plásticos que podem ser reciclados dos demais.

Revalorização

Representa a fase posterior à separação. O material já foi devidamente selecionado e ao passar pela revalorização, volta a ser matéria-prima que possa ser moldado.

Transformação

Na fase da transformação os frascos plásticos já voltaram a ser matéria-prima e estão prontos para gerar um novo produto.

Qual a relação dos frascos plásticos com o meio ambiente?

Como vimos ao longo deste conteúdo, após a reciclagem, a resina obtida ao longo do processo pode dar origem a um número enorme de objetos.

Todos esses produtos, depois de reciclados e prontos para a sua reutilização contribuem para o meio ambiente, seja por meio de novos produtos ou pelo simples fato de ser um material reutilizável.

Isso significa também novos produtos, que podem ser criados especificamente para a decoração a partir de matéria prima reutilizada.

As embalagens plásticas quando reaproveitadas podem gerar tecido, fibra de tapete, vassouras, embalagens para produtos de limpeza e diversos acessórios que contribuem para arrumar sua casa.

Por isso devem ser descartados corretamente ou reaproveitados como novos produtos. Os objetos reciclados, como as embalagens plásticas, fazem bem ao meio ambiente e tornam desnecessária a utilização de outro tipo de matéria-prima que possa prejudicar o meio ambiente.

Além de serem ótimas alternativas para quem deseja economizar com decoração, tendo em mente as diversas transformações possíveis desses objetos.

Esse conteúdo foi escrito pela assessoria do Soluções Industriais em parceria com o blog TechTube.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.