O próximo chipset mobile da Qualcomm de alto desempenho será fabricado na escala dos 7 nm e com capacidade para 5G, mas o modem X50 5G não será integrado, devido seu alto valor e falta de utilidade neste primeiro momento.

Uma estratégia bem vista, uma vez que apesar da tecnologia 5G ter previsão para ser implementada em 2019, ela inicialmente será liberada de maneira limitada cobrindo apenas poucas cidades do mundo e podendo começar a abranger a maioria das localidades somente em 2020.

Qualcomm diz que o chipset mobile Snapdragon de próxima geração trará um modem X24 (2G,3G e 4G) incorporado a sua estrutura. Sendo assim para obter acesso ao 5G a fabricante do dispositivo deverá acrescentar ao equipamento um modem X50 5G.

Qualcomm revelou que já foi disponibilizado uma amostra inicial do novo componente para fabricantes parceiros.

Ainda não está claro qual será a nomenclatura que a companhia irá adotar para o novo chipset mobile e nem quanto a capacidade de processamento que o componente fornecerá. Mas de acordo com a companhia estas e outras informações sobre o novo chipset mobile da Qualcomm serão divulgadas no quarto trimestre de 2018.

Apesar de haver diversos rumores rodeando a impressa, a Qualcomm não divulgou muitas informações referente ao seu novo chipset mobile Snapdragon de próxima geração.

Fonte: SlashGear

Notícia relacionada à Qualcomm:

Qualcomm anuncia nova plataforma móvel Snapdragon 670 para smartphones convencionais