As empresas têm investido bastante em segurança visando a proteção de dados sigilosos. Atualmente um novo golpe vem sendo cada vez mais comum e ataca principalmente pequenas empresas. Saiba o que é o sequestro de dados e por que a sua empresa deve se preocupar com ele.

O que é o sequestro de dados?

O sequestro de dados acontece quando o seu computador ou notebook é infectado e o arquivo malicioso criptografa seus documentos, impossibilitando o acesso. A única forma de ter acesso novamente aos seus arquivos é através de uma senha, que só é informada mediante pagamento aos “sequestradores”.

Para piorar a situação, você tem um prazo de 72 horas para realizar o pagamento. Do contrário, seus arquivos serão inutilizados para sempre.

Como esses arquivos infectam minha máquina?

Imagem1

A principal forma de propagação deste vírus é através de uma atividade chamada pishing, que é a infecção do usuário através do seu e-mail. Você recebe um e-mail de uma empresa qualquer, essa empresa diz que tem assuntos do seu interesse ou propõe a resolução de alguma pendência sua.

Como somos seres preocupados, queremos tratar de resolver este assunto. A mensagem diz claramente que para maiores informações você deve clicar em um link ou baixar um anexo. Em ambos os casos, eles instalam um arquivo infectado em sua máquina, mais conhecido como Ramsonware.

Este arquivo começa a agir em seu computador criptografando todos os dados.

Quem são os principais alvos destes ataques?

Normalmente os ataques visam as empresas de grande porte, por terem dados sigilos que valem muito dinheiro. Porém, atualmente estes hackers estão se concentrando muito em pequenas empresas, que muitas vezes não tem uma equipe de TI de prontidão e dependem totalmente dos dados roubados.

Meus arquivos estarão seguros após o pagamento?

arquivos-seguros

Infelizmente não. Os especialistas em segurança virtual dão a mesma recomendação que a polícia no caso de um sequestro na vida real, não pague aos sequestradores. Isso por que você não tem garantia nenhuma de que seus arquivos serão descriptografados após o pagamento.

Além do mais, pagando aos bandidos você colabora e incentiva este tipo de atividade. Quando há um retorno financeiro alto, a atividade é viabilizada e cada vez mais tempo será investido para a criação de pragas virtuais.

Como posso me prevenir?

prevenir

A melhor prevenção possível é a cautela. Cuidado ao abrir anexos de e-mail, eles são a principal forma de propagação. Na dúvida, só abra mensagens de amigos ou de outras empresas conhecidas.

Outra dica que vale é ouro é de ter um antivírus instalado em sua máquina. Procure deixa-lo sempre atualizado para que novas ameaças sejam incluídas em seu banco de dados.

Caso não fique seguro em somente ter um antivírus, contrate uma proteção adicional para seu computador ou notebook. Normalmente as versões gratuitas de um programa antivírus contém o pacote básico de proteção, se valer a pena, contrate a versão paga e desfrute de soluções adicionais de segurança.

Lembrando que as dicas acima são totalmente preventivas. Portanto, você não pode depender somente delas. Tenha um backup sempre atualizado dos seus dados e o guarde em um local seguro. Empresas tem que ter um cuidado ainda mais especial por possuírem dados sigilosos.

Conclusão

O sequestro de dados pode muitas vezes, dar muito prejuízo para suas vítimas. Por isso, tome todo o cuidado e invista em conhecimento. Saiba navegar com segurança na rede e não caia em e-mails com propostas surreais. Atualize o seu antivírus com frequência e faça backup dos seus arquivos.

Este tipo de prática deve ser eliminado da internet. Portanto, nunca ceda aos pedidos destes bandidos e esteja preparado para tomar medidas de emergência como: Formatar seu computador.

Espero que tenha gostado das dicas e que as pratique no seu dia-a-dia. Na dúvida, não clique em nada que seja suspeito.

Este artigo foi escrito por Felipe Henrique do blog Notebook Novo.

COMPARTILHE

DEIXE UMA RESPOSTA

16 + 11 =